A Decoração para as Festas de Fim de Ano

Hoje encerramos a fase de planejamento para as Festas de Fim de Ano com um item final, mas não menos importante: a decoração.

Decoração de Fim de AnoSe você vai receber pessoas queridas para comemorar as Festas, é justo pensar numa decoração que seja acolhedora, alegre a casa e coloque todo mundo no clima, mas você não precisa gastar rio de dinheiro para isso.

O primeiro passo é trabalhar com o que você já tem. Pegue as caixas e sacolas de decoração natalina e faça um inventário na sua Central de Planejamento. Aproveite para jogar fora o que está quebrado ou estragado.

Em seguida, liste onde pretende usar cada item: na sala, na mesa de jantar, na árvore de Natal, na porta… Se você notar que tem coisas demais, separe o excesso para doar ou presentear.

Feito isso, talvez você perceba que precisa comprar alguma coisa. A maioria de nós tem mais que o suficiente, mas pode ser necessário, por exemplo, trocar um jogo de lâmpadas que já não funciona. Também pode ser que este seja o primeiro ano em que você fará decoração natalina e nesse caso aqui vai uma lista básica:

  • árvore de Natal
  • enfeite para o topo da árvore
  • bolinhas e adornos para a árvore, levando em conta o tamanho dela
  • guirlandas para a mesa ou a porta de entrada
  • um jogo de luzes pisca-pisca
  • castiçais e velas
  • presépio

Tudo isso é opcional e deve se adequar às suas tradições e ao espaço que você tem. Não compre uma árvore gigante se você tem uma sala pequena – é melhor usar uma árvore de mesa, por exemplo, e ter espaço para os convidados. Lembre-se, também, que precisará de um lugar para guardar tudo o que for comprado. Não exagere! E, claro, lembre-se de respeitar o orçamento.

Existem muitas coisas que você mesma pode fazer. Além de economizar, enfeites personalizados dão um toque todo especial à decoração. Eis algumas idéias:

Aproveite para conferir a roupa da casa: toalhas, guardanapos, pratos, talheres, copos. Verifique se tem tudo de que precisa. Se faltar algo, antes de comprar, veja se pode pedir emprestado. E não se preocupe: a louça não precisa ser toda combinada. O importante é ter pra todo mundo.

Pense sempre em alternativas. Você pode, por exemplo, comprar um tecido numa cor alegre, fazer bainha e pronto: eis uma bela toalha de mesa. Pode fazer o mesmo com guardanapos, usando uma cor complementar. Ou pode comprar guardanapos descartáveis decorados, que são lindos, custam pouco e incrementam a mesa da ceia.

Não se esqueça de observar o estado dos tapetes, estofados e cortinas. Se precisar lavar algo, faça-o ainda em novembro. Ainda estarão limpos em dezembro e você terá uma coisa a menos com que se preocupar.

E já que o assunto é criar um clima festivo, aproveite para fazer uma seleção musical bacana, ou deixe à mão alguns dvds de shows para servirem de pano de fundo para as grandes noites.

Animada para as Festas? Já estão quase chegando!

Veja os outros posts da série Preparativos para as Festas de Fim de Ano.

Imagem: Ghislain & Marie David de Lossy, royalty free.

Anúncios

As Ceias de Fim de Ano

Hoje é dia de planejar as ceias de Natal e de Ano Novo. Não pense que está muito cedo – já, já, as Festas baterão à sua porta!

A Ceia de Natal

O primeiro passo é decidir onde e com quem serão as ceias. Na sua casa? Na casa da sua família? Da família do marido? Com amigos? Ou você estará em viagem? Dedique uns minutos para ver o que realmente quer fazer e com quem quer compartilhar esses momentos. Se optar por um restaurante ou bar, lembre-se de fazer as reservas com antecedência.

Decidido o lugar e a companhia, é hora de pensar na comida. Planejar antecipadamente ajuda a evitar o stress e diminui os gastos. Não se sinta obrigada a fazer as receitas “tradicionais”, como o tal do peru, as castanhas e frutas próprias de climas frios. Nossas temperaturas combinam melhor com pratos leves (que, inclusive, são mais baratos). Anote suas escolhas na Central de Planejamento.

Se você for receber convidados, divida com eles o trabalho (e os gastos). Designe o que cada um levará. Se você for convidada de alguém, ofereça ajuda.

Quando souber o que vai cozinhar e quantas pessoas receberá, faça uma lista de compras que inclua, além dos ingredientes, as bebidas, guardanapos, gelo e o que mais for necessário. No caso das receitas, centralize numa só lista tudo o que for necessário: se usará 4 ovos para um prato salgado e 6 ovos para a sobremesa, marque num só lugar: 10 ovos (e compre alguns a mais para evitar imprevistos). Anote o preço estimado de cada item que você precisará comprar – isso é importantíssimo para manter-se dentro do orçamento. Essa é a hora de fazer substituições e cortes para evitar gastos excessivos.

Faça o máximo possível com antecedência. Alguns pratos podem ser congelados, ou preparados na véspera. Etapas podem ser providenciadas dias antes. Você quer participar da festa e aproveitá-la, não passar o dia enfurnada na cozinha.

Dê início às compras ainda em novembro. Procure ofertas. Compre com calma. Deixe para comprar na semana das Festas apenas os itens frescos.

Crie uma timeline, uma linha do tempo para os dias que antecedem as Festas, e também para o Dia D, dividido em manhã, tarde e noite. Nessa linha do tempo, você pode anotar, por exemplo, o horário de descongelar a comida, o de pôr as bebidas para gelar, o de montar a salada etc. Não confie na memória: ter tudo escrito ajuda a reduzir o stress e garante que tudo dará certo.

Programe a ceia para um horário decente. Essa dica ajuda bastante a vida das crianças e dos idosos, que geralmente se cansam cedo. O ideal é que todos jantem antes e guardem apenas o brinde para a meia-noite. Assim, quem já está com sono pode ir dormir tendo aproveitado a festa e brindado com todos.

Inclua na linha do tempo um horário para você tomar um belo banho e arrumar-se com tranquilidade. Se você tem crianças em casa, planeje a que horas irá arrumá-las e peça a ajuda dos outros adultos. Lembre-se de vesti-las com roupas bonitas mas confortáveis, para que possam brincar à vontade.

Com tudo planejado, as ceias correrão bem e você poderá se divertir!

Veja os outros posts da série Preparativos para as Festas de Fim de Ano.

Imagem: Gallo Images-Hayley Baxter, royalty free.

Os Presentes das Festas de Fim de Ano

Definir a lista de presenteados é fundamental para nos mantermos dentro do orçamento estabelecido no passo anterior. Siga os passos abaixo para facilitar o processo.

  • No topo de lista, antes de mais nada, defina quanto vai gastar com presentes e lembranças.
  • Anote os nomes de todos os que serão presenteados: pais, marido, filhos, sobrinhos, melhores amigos, afilhados etc.
  • Decida quem vai ganhar presentes e quem vai ganhar lembranças.
  • Veja quanto vai gastar com presentes e quanto destinará a lembranças.

Presentes para as Festas de Fim de Ano

Você pode ter, por exemplo, um orçamento de 200 reais para presentes, e 10 pessoas para presentear. Suponha que quatro vão ganhar presentes e seis ganharão lembranças. Você pode destinar 100 reais para os quatro presenteados e 100 reais para as seis lembranças. Assim, gastará 25 reais com cada presente, e 16 reais com cada lembrança.

Ou pode definir que cada lembrança custará metade do valor de cada presente. Seguindo o exemplo anterior, você teria 28 reais para gastar com cada presente e 14 reais para cada lembrancinha (num total de 196 reais, um tiquinho abaixo do orçamento).

Você escolhe como gastar. Escolhe também quem presenteará, e como. Pode ser que precise cortar gente – talvez seja a hora de sugerir que a família faça um amigo secreto, que tal?

Você pode ter muitas pessoas para presentear e um orçamento apertado. Vamos supor os mesmos 200 reais para 20 pessoas… como faz? É possível dar lembrancinhas bacanas que custem 10 reais? Sim, é. Basta usar a criatividade e, talvez, alguma habilidade manual. Estamos falando disso em outra série.

Definidos os presenteados e os valores, comece as providências:

  • Pesquise preços e escolha os presentes e lembranças segundo os valores estabelecidos na sua lista
  • Se optar por lojas virtuais, compre logo. Lembre-se de que as entregas demoram mais no fim do ano, justamente porque cresce a demanda.
  • Nas lojas físicas, faça as compras até a primeira semana de dezembro ( mas quanto antes melhor!), para evitar correrias, apertos, stress e estoques desfalcados.
  • Se for confeccionar presentes, compre já o material e dedique um pouco do seu dia, todos os dias, para esse trabalho. Não deixe para a última semana!
  • Se optar por fazer presentes comestíveis, prefira os que podem ser feitos com alguma antecedência, como chocolates e biscoitos, ou planeje-se para passar o dia 23 totalmente dedicada a isso.

Programe-se para cumprir o orçamento e antecipe tudo o que for possível para evitar a loucura e o cansaço do fim do ano. Assim, você chegará inteira e feliz aos grande dia!

Veja os outros posts da série Preparativos para as Festas de Fim de Ano.

Imagem: LWA, royalty free.

Orçamentando as Festas de Fim de Ano

Orçamentando as Festas de Fim de AnoEsta é a tarefa mais difícil do planejamento: a criação de um orçamento.

Queremos presentear todo mundo, agradar amigos e família… mas temos recursos limitados. Se não levarmos isso em conta, entraremos no próximo ano cheias de dívidas, ansiosas e angustiadas. Não queremos isso, né? Então, o que temos de fazer é planejar os gastos dentro de um limite realista, e obedecer ao planejamento.

Na sua Central de Planejamento (você já fez uma, não fez?), crie uma página para o Orçamento e, logo no topo, escreva quanto pode gastar. Veja, não é quanto você pretende gastar, ou quanto quer gastar, mas quanto pode gastar.

Talvez você já tenha se preparado desde janeiro guardando 100 reais por mês para as Festas. Talvez só esteja pensando nisso agora. Talvez possa contar com o décimo-terceiro, ou pode ser que ele já esteja comprometido com o pagamento de dívidas. Quem sabe você pode entrar um pouquinho no orçamento do próximo janeiro… mas lembre-se que o ano que vem traz suas próprias despesas com material escolar, viagem de férias, impostos etc.

Seja lá como for, não se endivide além de janeiro! Trabalhe com o que você pode e faça o melhor possível dentro desse valor.

Definido o valor, seja ele 100 ou 1.000 reais, liste as categorias de gastos:

  • Presentes Planejados: para a família, o amigo secreto, os amigos mais próximos.
  • Presentes Imprevistos: para convidados e compromissos de última hora.
  • Comida: esse gasto pode ser dividido com os seus convidados, você não tem que bancar tudo sozinha!
  • Bebida: também é um gasto que pode ser dividido.
  • Roupas Novas: se o seu orçamento comportar e se você quiser.
  • Decoração: o gasto aqui pode ser bem pequeno, apenas um enfeite, algumas flores e velas.
  • Viagens: apenas se você pretende viajar nas Festas, claro.

Ao lado de cada item, anote o valor que pretende gastar com ele, dentro do seu planejamento. Se a festa não será na sua casa, você não precisará gastar nada com decoração, por exemplo.

Seja realista! Atenha-se ao valor que anotou no topo da página!

A alegria das Festas não é dada pelo dinheiro que você gasta com elas, mas pelo prazer de estar com as pessoas queridas e pela sua própria tranquilidade e paz de espírito. Lembre-se disso!

Veja os outros posts da série Preparativos para as Festas de Fim de Ano.

Imagem: Jamie Grill, royalty free.

Uma Central de Planejamento para as Festas de Fim de Ano

Central de Plamejamento - Festas de Fim de AnoO primeiro passo dos nossos preparativos para o Natal e o Ano Novo é a criação uma Central de Planejamento. Para isso, você pode usar o que preferir:

  • agenda
  • caderno
  • arquivo de texto armazenado no seu computador
  • post de rascunho armazenado no seu serviço de email
  • arquivo de texto online (no google drive, por exemplo)
  • programas específicos para notas, como o evernote

Ferramentas online têm a vantagem de permitirem o acesso imediato de qualquer computador com internet. Arquivos eletrônicos podem ser facilmente modificados. O papel pode ser levado na bolsa pra cima e pra baixo. Todas as ferramentas têm vantagens e desvantagens, cabe a você escolher a sua preferida.

Na hora de selecionar sua ferramenta, leve em conta que o planejamento desse ano poderá ser reaproveitado para o ano seguinte.

Para inaugurar a sua Central, comece respondendo algumas perguntas:

    • O que deu certo nos anos anteriores e você gostaria de repetir este ano?
    • O que você não quer repetir de jeito nenhum? Exemplos: gastos, convidados, eventos desagradáveis etc.
    • O que pode/deve ser melhorado? Há coisas que não são totalmente boas ou ruins, mas que talvez possam ser modificadas ou melhoradas.
    • O que precisa ser negociado com outros envolvidos?
      • Na casa de quem você quer passar as Festas?
      • Quer viajar? Para onde?
      • Quer reduzir os gastos? Onde dá pra cortar?

Pense sobre tudo isso e sobre outras questões que podem surgir durante essa primeira fase. Esse é o pontapé inicial para ter um ótimo fim de ano!

Até a nossa próxima tarefa!

Veja os outros posts da série Preparativos para as Festas de Fim de Ano.

Imagem: Annabelle Breakey, royalty free.

Preparativos para as Festas de Fim de Ano

Já estamos em novembro! Daqui a pouco, o Natal e o Ano Novo batem à porta… e você não quer ser surpreendida, não é? Então, já está mais que na hora de começar os preparativos. Nesta série de posts, vamos ajudar com dicas e sugestões para que as Festas de Fim de Ano sejam fonte de alegria e confraternização, e não de stress e dívidas.

Preparativos - Festas de Fim de Ano

Vamos falar sobre:

E aí, pronta para começar? 😉

Imagem: Chris Bernard, royalty free.